Morangos – fruto, cultivo, benefícios e produção mundial

Posted on 13/10/2013 by Plubee No Comments

morangosOs morangos são um fruto muito apreciado e cultivado em todo o mundo. De acordo com os registos históricos, a sua produção inicial foi notória em França no século XIV, embora haja já grandes diferenças entre as espécies cultivadas nessa altura e as espécies hoje disponíveis.

Os morangos são altamente nutritivos e baixos em calorias, contendo bons valores de fibras e vitamina C, assim como potássio é tido como importante no equilíbrio da tensão arterial.

Produção mundial de morangos

De acordo com os últimos números disponibilizados pela Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (ONUAA), a produção mundial de morangos é dominada por um grupo de 13 países com produções acima das 100.000 toneladas anuais. Juntos representam quase 85% do total da produção de morangos, como se pode ver na tabela abaixo:

morangos-prod-mundial

Esta tabela e gráfico são interessantes por dois motivos. Em primeiro lugar podemos constatar que a produção mundial de morangos tem vindo a aumentar de forma consistente desde o ano de 2000, de acordo com os dados da ONUAA, o que nos deixa a indicação de que há procura para o fruto. Alguns produtores portugueses poderão dizer que é difícil escoar os morangos, o que não invalida a informação relevada na tabela, pois muitas vezes o segredo está em encontrar o canal de distribuição/escoamento adequado e conseguir vender para países fora de época.

Em segundo lugar, é interessante constatar que o segundo maior produtor mundial de morangos (embora largamente atrás dos EUA) é a Espanha, que por sinal também tem vindo a aumentar o total de toneladas de morangos produzidas por ano, tendo produzido em 2011 mais de 500.000 toneladas do fruto.


De acordo com os dados da ONUAA, em 2011 Portugal produziu 2667 toneladas de morangos, um número que poderá não estar completo, devido a falta de dados, pois o Observatório Agrícola, na informação disponibilizada online refere uma área de 550 hectares em Portugal alocada à produção de morangos, responsável por cerca de 12.000 toneladas de produção anual. Ainda assim, um número bastante abaixo do produzido por Espanha, mesmo tendo em conta a diferente dimensão do território espanhol. Sendo o clima dos nossos países em muitos lugares semelhante, dá que pensar se Espanha não está a explorar melhor a produção de morangos do que nós, pois nem que produzíssemos 10% do que produz Espanha, teríamos espaço para crescer no segmento dos morangos. Poderá dar-se o caso dos espanhóis conseguirem ter maior escala e por conseguinte ter mais mercado no escoamento, justificando assim a desproporcional diferença nos valores.


Post a Comment

Your email is never published or shared. Required fields are marked *