Plantar Morangos – planear plantação e rentabilidade

Posted on 23/11/2014 by Plubee No Comments

plantar morangos

Plantar morangos é uma atividade agrícola que pode ser rentável caso seja bem planeada, tendo um grau de dificuldade que depende diretamente do método de cultivo usado. A plantação tradicional é fácil de gerir, o que não significa não trabalhosa. Para além das técnicas tradicionais de plantação em solo, em estufa ou não, a atividade de plantar morangos já há muito que se faz em regime de hidroponia ou aeroponia pelos aumentos de produtividade possíveis.

Para quem está a planear plantar morangos para fins comerciais deve antes de mais preocupar-se com o escoamento da fruta, pois o timing de colocação no mercado é essencial como explicamos na nossa apresentação aqui. A planta apresenta a facilidade de não exigir poda, o agricultor geralmente opta por trocar a planta de 2 em 2 ou 3 em 3 anos para garantir máximas produtividades e melhor e mais fácil gestão da planta.

Plantar morangos – timing de plantação para colheita

Plantar morangos deve ser planeado de forma cuidadosa para garantir que há um bom escoamento do produto final no timing certo. É ideal poder fazer a gestão da sua plantação de forma a que esteja a garantir que terá produto final aquando de momentos do ano em que as quantidades não são altas, ou seja, há menor oferta do que procura. Este timing é ideal para conseguir melhores preços pela sua produção e portanto melhor rentabilidade no seu investimento.


Plantar Morangos – Análise da rentabilidade potencial


Comece por avaliar o potencial de produtividade do seu local, consoante o seu método de produção adotado para plantar morangos. Em algumas plantações e projetos, é possível conseguir produzir até 50ton de fruto por hectar. Estas produtividades são conseguidas com uma replantação da planta a cada 2-3 anos para produção de bons frutos e melhores produtividades.

A grande vantagem de plantar morangos é conseguir ter produção desde o primeiro ano. Os morangos podem atingir preços de venda em mercado de produção de 4,7€ até 0,40€ por kg (valores dos órgãos do Min Agricultura), consoante a sua qualidade e calibre, uma amplitude de preços muito significativa e que tem impacto direto na rentabilidade de um agricultor. Com estes valores significa que o preço de venda ao produtor poderá andar ente os 0,20€ e os 2,35€ por Kg, valores bem mais baixos. Ainda assim e tendo em conta estes valores referenciados, um hectar tem a capacidade de produzir rentabilidades muito interessantes, contudo convém não esquecer que a instalação da plantação pode acarretar um valor muito significativo para investimento. dependendo das condições do terreno e das infraestruturas adotadas. A produção em estufa ou não, por método hidropónico ou não pode mudar radicalmente os custos da plantação e custos de operação, pelo que é crucial ter bons canais e preços de escoamento garantidos antes de avançar com um investimento.


Post a Comment

Your email is never published or shared. Required fields are marked *